Aulas de Física e Química

A tua Energia II...

O Electromagnetismo

A descoberta do Magnetismo remonta a 3000 a.C., quando na Ásia Menor um pastor observou que a ponta metálica do seu cajado era muitos vezes atraída pelo solo.

Após algumas observações, o pastor concluiu que essa atracção era exercida por uma espécie de rocha a que se deu o nome de Magnetite.

Também na Grécia Antiga, um filósofo de nome Tales observou que pequenos objectos eram atraídos pelo âmbar, depois de friccionado.

PUB

Como não havia explicação para este fenómeno, atribuía-se a esta resina fóssil um poder mágico.

Muitos séculos mais tarde, descobriu-se que outros materiais, depois de friccionados, também atraíam outros corpos. Esta propriedade passou a chamar-se electricidade, que deriva do grego Elektron, que significa âmbar. Em 1800 Alessandro Volta fez uma interessante descoberta que permitiu uma melhor compreensão dos fenómenos eléctricos.

Alessandro Volta consegue finalmente construír uma pilha, a pilha de Volta, o que permitiu inúmeras pesquisas no que diz respeito aos fenómenos eléctricos.

Vinte anos mais tarde, em 1820, um cientista de nome Oersted descobre, por acaso, que um fio quando percorrido por corrente eléctrica exerce um efeito, semelhante ao de um íman, sobre uma agulha magnética.

Estabelece-se assim a ligação entre Electricidade e Magnetismo.




Professor Nuno Machado Ciências Físico-Químicas Hit Counter by Digits